Yoga pode melhorar desempenho de músicos

23/08/2009 23:00

Uma pesquisa clínica coordenada pelo Dr. Sat Bir S. Khalsa, da Escola Médica de Boston, nos Estados Unidos, sugere que o yoga pode trazer benefícios para músicos

Dentro da área médica o yoga é considerado uma prática integradora do tipo "mente-corpo", que incorpora componentes de caráter cognitivo (meditação) e somático (posturas físicas e exercícios respiratórios). Por outro lado a atividade de um músico habilidoso também envolve um componente físico de habilidade motora e um componente expressivo de caráter psicológico. Uma melhoria de sua performance, portanto, pode ser alcançada se pudermos melhorar seu desempenho em cada um desses dois componentes.

Tendo isso em mente, e tomando como hipótese de trabalho a possibilidade do yoga ser utilizado para incrementar a qualidade dos componentes somáticas e psicológicas de um músico, o Dr. Khalsa decidiu empreender uma pesquisa utilizando os participantes de um prestigiado programa anual de 8 semanas mantido pelo Tanglewood Music Center (academia de estudos avançados de música da Orquestra Sinfônica de Boston). Os poucos participantes admitidos nesse programa estão entre os mais habilidosos e dedicados estudantes de música daquele país. O estresse decorrente da intensa programação de aulas práticas, teóricas e ensaios realizados no curto período de dois meses cria o ambiente adequado para testar a capacidade do yoga ser empregado como ferramenta auxiliar para melhorar o desempenho dos artistas.

Para programar e coordenar as práticas envolvidas na pesquisa foi convidado o instrutor de yoga Stephen Cope, do Kripalu Center for Yoga and Health, de Lenox, Massachusets. A pesquisa foi realizada durante o programa de 2006 e os resultados apontaram para um claro incremento na performance dos músicos que haviam aderido às práticas de yoga, quando comparados com o grupo de controle. O foco da avaliação foram os níveis de ansiedade quanto ao desempenho.

O Dr. Khalsa destaca que a intervenção envolveu muito mais do que apenas yoga e técnicas de meditação. Os participantes possivelmente foram influenciados pela atmosfera e ambiente social do centro de yoga, e se serviram da alimentação vegetariana no local. Portanto ele considera mais acertada a idéia de que houve uma intervenção de um "estilo de vida" de yoga, mais do que apenas exercícios de yoga e meditação.

Se você tiver curiosidade de conhecer os detalhes dessa pesquisa clínica, acesse a publicação completa (em Inglês) no site "Medical Science Monitor". Nessa página há um link para o "full text" - oferecido no formato "pdf":

http://www.medscimonit.com/abstracted.php?level=5&icid=452854


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!